terça-feira, 26 de junho de 2012

O que comer na Croácia: As trufas da Ístria

Pouca gente sabe que a maior trufa do mundo foi encontrada na Croácia, sim, na Ístria para ser mais específica. Com um quilo e trezentos gramas, foi na propriedade do restaurante Zigante que encontraram a famosa trufa do Guiness! Fica pertinho de Motovun, a cidade fortificada que adoro e que já postei aqui.http://marilia-umabrasileiranacroacia.blogspot.com/2011/05/city-girl-em-motovun.html
Sei que é possível acompanhar o "caçador" e os cachorros para farejar as trufas. As vezes, usam também porcos para procurar. Deve ser uma experiência interessante!
A Croácia é famosa pelas trufas, vinhos e óleos de oliva. Este fim de semana, ganhei do Jerko um presente com pastinhas de trufas e óleo de oliva do Zigante. Confesso que estou muito curiosa para provar. Nunca provei, segundo o Jerko o melhor é o sorvete de trufa, nunca poderia imaginar! Assim que abrir, dou uma passada por aqui pra dar a minha opinião!


sábado, 23 de junho de 2012

Michel Teló na Croácia

Acreditem ou não, mas é verdade! Ontem fiquei sabendo, por acaso, que o Michel Teló fará um show em Pula e agora resolvi confirmar antes de postar! Ao lado de Tom Jones e da ópera Aida, Michel Teló se encontra na programação da bela cidade Pula, na Istria. 
Dia 18 de agosto é o dia em que ele cantará na Arena, local com mais de 2000 anos de história! Vejam só, é realmente um sucesso inacreditável. Dêem uma olhada, se quiserem, no outro post que falei sobre Teló 
Não é a toa que vem até aqui, existe versão da música Ai se eu te pego até em croata!

sábado, 16 de junho de 2012

Coisas que eu gosto na vida na Croácia

Estava comendo agora e coloquei uma fatia de pão como acompanhamento, pensei na mesma hora -estou virando croata! Aí, me dei conta de que gosto de algumas coisas da vida aqui:
- a segurança. Ando sozinha sem problema nas ruas de noite, pego ônibus, me locomovo sem paranóia! Isso não tem preço!
-o costume de colocar a mesa na rua e comer fora. Os croatas sempre que podem colocam uma mesinha no pátio pra curtir o ar livre no verão!
- tomar café na rua todos os dias. Adoro este costume e volta e meia me encontro com amigas ou sozinha mesmo vou tomar um café numa das diversas cafeterias da cidade.
- trabalha-se menos e se curte mais! Os croatas trabalham 7h30 e tem meia hora de almoço, em geral. Acho ótimo este costume, pois se tem mais tempo livre e não se passa o dia todo em função do trabalho.
-no verão anoitece às 21h! Gosto disso, pois os dias são longuíssimos, em compensação os dias no inverno são muito curtos, as vezes anoitece às 15h30:(
Bem, essas são umas coisas que me vieram à cabeça agora. Há muitas outras, mas já dá pra ter uma ideia!
P.S Foto da mesa na rua da casa de praia dos pais do Jerko. Amo este lugar, passamos o dia todo na rua, na sombrinha olhando o mar! Não vejo a hora de ir pra lá!

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Eurocopa

Como todos sabem, está rolando a Eurocopa e todos os croatas estão torcendo a mil! Ontem passei pela praça principal e vi este telão além dos vários torcedores vestidos à caráter.
É interessante ver como os croatas adoram futebol, tenho a mesma sensação como se estivesse no Brasil, bares cheios de gente, buzinadas e muita agitação. O jogo foi contra a Itália ontem, acabou 1X1, o nosso Eduardo da Silva, jogador brasileiro que tem cidadania croata, entrou no segundo tempo para alegria dos croatas.
Quando vim morar aqui, todos me perguntavam sobre o Dudu da Silva e eu não tinha ideia de quem era. Depois de um tempo, descobri que ele era o queridinho do time croata, veio quando adolescente pra cá e se tornou um dos maiores jogadores do país.
Espero que a Croácia siga no campeonato, pois é muito divertido ver a alegria da galera e agitação nas ruas.

Desabafo: coisas que odeio na Croácia

Como em qualquer lugar do mundo, há muitas coisas coisas que não gosto na Croácia e me irritam profundamente. Recentemente, vivenciei algumas delas.
Odeio o mal humor das pessoas nos locais de trabalho, públicos ou não. Agora mesmo liguei pra um lugar e foram tão rudes que resolvi dizer na cara da pessoa que ela é mal educada e desliguei. NUNCA faço isso, sou extremamente educada, mas ultimamente minha paciência está no fim. 
Outra coisa que me enlouquece é o sistema burocrático do país, principalmente relacionado a parte dos vistos de moradia. Estou há 4 anos e meio e a cada ano tenho que renovar meu visto. Até aí, tudo bem, mas o sistema é muito idiota e requer muuuuuuuuuuuuita paciência e papéis. A cada ano parece aumentar o número de documentos, talvez não seja. Não há organização para receber informações, então cada vez que se chega no balcão, as pessoas têm que buscar mais papéis, comprar um selo (biljega) para colocar no requerimento, uma confusão. Aí as pessoas furam a fila e demora mais ainda. Desta vez, até que durou pouco, 2h na polícia. Nos últimos anos passeio horas esperando, um saco.
Acho que por estar meio estressada passei a falar o que me vem na cabeça e não me importar muito com o que os outros pensam. Na própria polícia, falei para a senhora que estava me atendendo que o colega dela é muito rude e ano passado jogou o passaporte em mim. Infelizmente vai ser o mesmo infeliz que vai me dar o visto daqui a um mês. Não entendo como colocam pessoas que não sabem lidar com outras num tipo de trabalho como este, muito menos com estrangeiros. Há muita coisa para melhorar neste quesito. É nessas horas que sinto falta do meu país, mesmo com todos os seus problemas. A simpatia do brasileiro não tem igual.

terça-feira, 12 de junho de 2012

A Troca da Guarda

Este fim de semana assistimos a Troca da Guarda, na Praça São Marcos, cidade alta. A ideia é lembrar dos cavaleiros do século XVII, na época em que inventaram a gravata. Os croatas fizeram parte da Guerra dos 30 anos, colaborando com o exército francês contra a Inglaterra. Reza a lenda que as mulheres amarravam os lenços nos pescoços dos homens antes da viagem, os franceses gostaram da "moda" e deram uma aperfeiçoada e se tornou a famosa "cravate", em croata "kravata". Sempre recomendo àqueles que querem um souvenir típico que comprem a gravata.
Toda vez que assisto a esses homens montados nos cavalos, com o sol à pino, roupas quentes e pele na cabeça me dá uma agonia danada. Que calor, hein! Muito querer! 
Posso dizer que é um "espetáculo" interessante e realmente é impactante. Não é todo dia que a gente vê algo deste estilo nas ruas! 


segunda-feira, 11 de junho de 2012

O sol

Este fim de semana, estive trabalhando na rua e tomei um queimaço. Estou com o rosto, ombros e costas vermelhos, além da marca da blusa e da bolsa que levava no ombro!
O clima tem estado bem instável e abre e fecha toda hora. Se usa guarda chuva e protetor solar ao mesmo tempo, ou melhor, é o que deveria ter feito. 
Como diariamente tenho guiado, me preocupo cada vez mais com a minha pele. Estou pensando seriamente em comprar um chapéu para guiar, pois com este sol não dá pra brincar. Não é só no Brasil que o sol está muito forte. Fiquei bem assustada com este torrão que levei. Estou passando muito hidratante e caladryil para dar uma hidratada e bebendo muita água.
O calor daqui é seco e tenho a sensação que a pele vai desidratando imediatamente, não consigo me acostumar. A vantagem é que não se sua tanto como no sul.
 Acho que aprendi a lição! Se tiverem alguma sugestão, sou toda ouvidos! 

sexta-feira, 8 de junho de 2012

E no sul do Brasil...

Enquanto aqui começa a esquentar e a ter muito turista, no sul do meu Brasil está um frio do cão. Fico imaginando a minha vida hoje no Brasil depois de tudo que vivi aqui. É estranho e assustador pensar nisso. Cada vez que alguém me pergunta se voltaria pro Brasil, sempre falo que agora não, mas quando for mais velha sim. Agora é hora de trabalhar e não faz sentido deixar tudo pra começar do zero. Falando nisso, ontem estava me despedindo do grupo do Beto e encontrei uma brasileira casada com um croata que estava indo tentar a vida em Salvador, cidade natal dela. Nossa, fiquei tri emocionada e me coloquei no seu lugar. Que coragem! Deixar tudo e começar uma vida de novo lá, não sei se conseguiria.
Comecei a falar do frio e me desviei do assunto. Pois é, não consigo me imaginar no frio de Porto Alegre com 5 graus e uma friaca do cão dentro de casa. Na serra então, nem pensar! Imaginem a sensação térmica de -16! Caracas! Boa sorte family e amigos. Eu estou aqui no início do calorão e vou pensar em vocês pra não reclamar!
Foto da Zero Hora. Leiam a reportagem sobre o frio!
http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/geral/noticia/2012/06/com-temperatura-de-5-5c-sensacao-termica-chega-a-16c-em-ausentes-3783035.html

segunda-feira, 4 de junho de 2012

Uma doce pausa

Essas últimas semanas têm sido muito corridas por causa do trabalho. Trabalhar com turismo significa que não há fim de semana, horário de trabalho nem descanso. Por isso que quando tenho um tempinho pra relaxar, aproveito ao máximo. 
Fiz hoje umas panquecas recheadas de morango que ficaram uma delícia. Me deu uma vontade de comer doce e já que tinha moranguinhos na geladeira, procurei uma receita que me interessasse. Como sempre dei uma adaptada, mas foi mais ou menos assim:  http://panelinha.ig.com.br/site_novo/receita/receita.php?id=1325

sexta-feira, 1 de junho de 2012

Festivas em Zagreb: Cest is d’ Best

Com a corrida dos últimos dias não tive tempo de passar aqui.
Começou ontem o Festival Cest is d’ Best que é bem conhecido e divertido. São artistas de rua que ficam espalhados pela cidade, fazendo diferentes performances de teatro de rua, circo, música e programação infantil.
Ontem estava passando pela praça Zrinjevac e vi a grama coberta de desenhos de animais, a coisa mais fofa.
Para mais informações olhe aqui http: