quinta-feira, 26 de dezembro de 2013

Natal em Zagreb

Pela primeira vez passei um Natal na Croácia, mais precisamente em Zagreb e pude ver alguns costumes sobre essa comemoração aqui! Não houve neve alguma, pelo contrário, estava bem quentinho, cerca de 12 graus de dia, o que pra época é bem raro! Teve até sol, diferente dos últimos Natais que passei em Floripa abaixo de chuva! 
 Alguns costumes por aqui são bem diferentes dos nossos. Pra começar, a árvore de Natal é decorada só no dia 24 e na janta em família se come peixe. Os presentes são entregues à noite e "foram deixados" pelo Menino Jesus. Muitas famílias têm o costume de ir à missa do Galo à meia noite. A refeição mais importante é o almoço do dia 25 onde se come peru com "mlinci", uma espécie de massa de lasanha feita em casa, cozida e passada na gordura do peru, acompanhado de salada de beterraba. Há uma porção de doces especiais. 
O costume de iluminar as casas e janelas também existe aqui, mas pelo menos no meu bairro achei bem fraquinha a decoração e a quantidade. Já no centro sim há bastante investimento por parte da prefeitura e ficou lindo! 
Agora é esperar pra ver como será a virada do ano novo...:)

Abaixo estão as fotos do pinheiro da casa dos meus sogros e da praça Zrinjevac.



segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Em busca da árvore perfeita

Domingo de sol, pessoas nas ruas aproveitando o bom tempo e chegou a hora de comprar a árvore de Natal! Em várias praças se encontram centenas de pinheiros de todos os tamanhos, cortados ou plantados. Cena de filme... Neste ano compramos um pequeno que pretendemos regá-lo pra servir para os outros Natais.
Além da busca pelo pinheiro, se vê muita gente comprando aquelas lindas plantas vermelhas da foto abaixo que não me lembro o nome e os presentes de última hora.
Pela cidade, se veem feirinhas por toda parte, cafés cheios de gente com aquecedores nas ruas e decorações lindas de Natal. Este será meu primeiro Natal na Croácia, verei como serão os costumes, comidas e postarei aqui! 



quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

O meu Brasil

Depois de viajar, voltar à rotina e esperar a internet chegar no apê novo, aqui estou!
Falar do Brasil é difícil, pois temos diferentes Brasis e cada pessoa tem a sua visão, mas mesmo assim ouso escrever o que penso.
O meu Brasil é um país de terras continentais, de uma diversidade imensa que existe em poucos lugares. É um local que abriga europeus, africanos, asiáticos e gente do resto do mundo, mas rejeita os donos daqui, os indígenas .O meu povo é aguerrido, irreverente, mas muitas vezes acaba usando isso contra si. O jeitinho brasileiro acaba atrasando o país ao invés de fazermos uma nação melhor para nós mesmos com educação, segurança e um sistema de saúde de qualidade. A terra em que tudo dá, infelizmente acaba sendo mal usada e distribuída e o desperdício de comida é tamanho que temos gente ainda passando fome.
Não existe povo como o brasileiro, alegre, criativo, musical, dançante. Chegar em casa é sempre um alívio, é como se me sentisse abraçada por esta terra e gente. Me pego perguntando por quê o meu país é o inferno e céu para si mesmo? Mas ainda não tenho resposta.




quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

E por enquanto no Brasil...um post pela metade

Faz tempo que não posto por aqui, com a mudança, viagem, chegada e família, praticamente sumi da internet.
Chegar no Brasil é sempre uma mistura de sentimentos: saudades das pessoas, da língua, da comida, do ar; vontade de ficar; alegria de encontrar as pessoas amadas; desejo de comer tudo o que não tem na Croácia, etc.  
A inspiração ficou pela metade, com as pessoas ao redor e o barulho, em breve voltarei!