sexta-feira, 26 de outubro de 2018

Outono na Croácia

Temperatura amena, sol que esquenta a pele, folhas coloridas caindo por tudo e um cheiro de castanha e lenha no ar. Esse é o outono deste ano aqui em Zagreb. Com um " veranico de maio" só que versão croata, temos tido dias lindos de sol azul, noites friazinhas e calorzinho no sol. Cafés cheios de gente, turistas por tudo e um sorriso no rosto que se manterá até o sol desaparecer e o frio chegar.
Entre feiras e festivais, turistas e estrangeiros residentes, Zagreb se transformou numa metrópole. É estranho observar e sentir que aquela cidade em que estava acostumada agora virou "grande". Onde a desigualdade se faz notar gritantemente, alguns tentam se aproveitar do desenvolvimento do turismo e passam a furtar turistas descuidados, as pessoas que trabalham no comércio se encontram esgotadas por não aguentar mais tanto trabalho e os locais se sentem incomodados pelas multidões nas ruas! 
Tenho a sensação que quando o turismo chega ele vem como uma bomba e não tem uma transição. É o mesmo que li e percebo em relação à chegada do capitalismo aqui na Croácia durante a guerra de independência de 1991-1995, não foi lento e gradual e sim, boom, chegou e se instalou. Ninguém está preparado para as mudanças que iriam ocorrer com esses fatos e para quem está dentro nem consegue entender direito o que está acontecendo, só percebe que algo mudou.
Vamos levando e aprendendo com os novos ventos. 

  

quarta-feira, 17 de outubro de 2018

O que fazer no inverno na Croácia? Feira de Advento em Zagreb

Para aqueles que gostam de frio e querem viajar para ver a neve e conhecer a Croácia sem multidões, o inverno é uma ótima pedida. Zagreb ganhou dois anos consecutivos o prêmio de melhor Feira de Advento da Europa. Este ano será de 1.12-6.01. Desde então, temos recebido muitos grupos e turistas individuais no fim do ano. A cidade fica toda iluminada, coberta de estandes com cachorro quente, quentão, castanhas portuguesas e outros produtos, além da pista de gelo e uma bela decoração.  Pra quem gosta, existe a estação de esqui Sljeme, dentro da cidade, onde se pode aprender a esquiar e comer um delicioso feijão com linguiça ou tomar um café quentinho.
Já na costa, as cidades ficam mais vazias e não faz tanto frio como aqui, mas pode soprar um ventinho gelado. A paisagem fica também um pouco diferente e o mar segue belíssimo.
O que recomendo totalmente é a visita aos Lagos Plitvice, como já postei aqui no blog 
http://marilia-umabrasileiranacroacia.blogspot.com/2011/01/turismo-no-inverno-croata.html, pela sua beleza ímpar. As cachoeiras congeladas e a floresta branca parecem cenário de filme. Com uma roupa quentinha, o passeio vale a pena. Deve-se só verificar se o Parque está aberto e as rotas limpas por causa da neve. 
Ficam aí as dicas para os amantes do frio e aventureiros!


quinta-feira, 11 de outubro de 2018

Turismo na Croácia bombando mais que nunca

Não preciso dizer que depois da Copa a Croácia passou a bombar mais ainda no mundo todo. A galera enlouqueceu com o segundo lugar, com razão e temos cada vez mais turistas! É bom ver como nos últimos dez anos que vivo aqui o turismo se desenvolveu e se firmou como uma grande atração mundial. Existem várias razões para isso: a Croácia é um país com uma ótima localização geográfica; faz parte da União Europeia; não aderiu ao euro; não precisa de visto para entrar; os preços, comparados a outros países da Europa ocidental ainda são razoáveis; é seguro; belíssimo e diversificado e não possui riscos de atentados. Vida longa ao turismo na Croácia, afinal é ele quem carrega o país!
Costumo ouvir nos meus tours a surpresa dos clientes com o alto grau de infraestrutura do país mesmo tendo passado por uma guerra muito recentemente (terminou em 95!). Realmente o país se reergueu muito rápido, foram algumas regiões que foram mais afetadas, não todo e também a guerra não ocorreu todo o tempo. Foi de 1991-1995 mas com idas e vindas na maior parte dos lugares.
Posso dizer que de 5 anos pra cá, coincidindo com a entrada na União Europeia, o país está cada vez mais preparado e segue investindo na hotelaria e serviços. Durante a temporada de verão temos falta de mão de obra para trabalhar nos hotéis e restaurantes só para terrem uma ideia!
Infelizmente, o que vem com o boom do turismo e que ninguém costuma falar é o crescimento da desigualdade social; o aumento do custo de vida, da criminalidade e a dificuldade de encontrar moradia com valores normais. E acho interessante colocar que a Croácia é um destino para gringos! Senão fossem as casinhas de praia construídas na época da Ioguslávia, ninguém poderia curtir a costa croata, pois os preços para os habitantes do país são insanos! É como o nosso nordeste e Amazônia, só pra gringo mesmo.
Portanto, como tudo na vida tem seu ônus e bônus,  por um lado o turismo desenvolve o país, aumenta os recursos e a quantidade de trabalhos mas afeta também a vida do cidadão local e sua qualidade.
   

Vamos aprender croata?

Croácia, um país tão pequeno e diverso! Com a área da Paraíba, um dos menores estados brasileiros tem uma grande diversidade cultural, natu...